Os melhores cartões bancários para viajar

Um dos principais desafios para resolver em viagem, principalmente quando se trata de viagens longas e por diversos países, são as questões relacionadas com o dinheiro. Não falo apenas da falta dele… :) mas da forma mais eficiente de gerir quanto levar, em que moeda, onde cambiar, que cartões bancários utilizar, etc.

Porque precisas de um cartão destes para viajar?

Os cartões bancários de débito ou crédito “normais”, fornecidos pelos nossos bancos tradicionais, não são a melhor opção para fazer pagamentos ou levantar dinheiro em viagem. Por duas razões essenciais:

1. A comissão cobrada por cada levantamento ou pagamento efectuado fora da Zona Euro é muito elevada. A taxa é aproximadamente de 5%. São 5€ por cada 100€ levantados!

2. As taxas de câmbio utilizadas para converter esses movimentos na nossa moeda original são sempre desfavoráveis, pois incluem uma margem de lucro para o banco.

Ou seja, para além de nos cobrarem uma taxa sempre que utilizamos o nosso cartão para fazer um pagamento ou levantamento no estrangeiro (fora da Zona Euro), os bancos ainda aplicam uma margem em cima da taxa interbancária de mercado, quase sempre dissimulada na taxa de câmbio final aplicada.

Cartões bancários e de pagamento para poupar em viagem

Durante muitos anos, sofri com este “roubo” dos bancos. Por cada 150 Euros que levantava, pagava cerca de 6-8 Euros de comissões! Felizmente, com a evolução tecnológica dos sistemas bancários e meios pagamentos e o aparecimento das chamadas “fintechs”, hoje em dia existem cada vez mais e melhores soluções para resolver este problema.

Tendo em consideração o preço, as funcionalidades e a facilidade de utilização, estes são os melhores cartões bancários e de pagamento para usar em viagem e, também, no dia-a-dia no nosso próprio país.

Revolut

Cartão Revolut

O Revolut é, provavelmente, o mais conhecido deste tipo de cartões e a solução mais divulgada e recomendada para viajantes actualmente. E, aqui entre nós, como todo o mérito! O processo de obtenção do cartão é fácil e rápido, a App é intuitiva e robusta, com muitas funcionalidades de segurança e gestão (bloquear cartão, suspender temporariamente, definir limites, criar cartões virtuais, etc).

Características principais do Plano Standard (gratuito)
Cartão gratuito e sem anuidade, havendo apenas um pequeno custo de envio
Pagamentos ilimitados em qualquer país e moeda, sem taxas ou comissões escondidas
Até 5 levantamentos gratuitos por mês em qualquer país, com um máximo de 200€/mês
Depois de atingido o limite de gratuito, taxa de 2% ou 1€ em cada levantamento
Carregamento fácil e imediato via cartão de crédito/débito ou transferência IBAN (2-3 dias)

Os limites e funcionalidades da versão gratuita são bastante razoáveis e deverão ser suficientes para grande parte dos utilizadores. Para utilização mais intensiva e viajantes frequentes, as versões Plus, Premium e Metal oferecem muitos extras interessantes, como aumentos dos limites de levantamento gratuitos, seguros de atraso de voos, bagagem e saúde internacional, passes para utilização de lounges de aeroporto, cashback e outros.

Pessoalmente, utilizo o cartão Revolut com muita frequência, seja em viagem ou no meu dia-a-dia em Portugal, e a experiência tem sido muito positiva.

N26 Bank

Cartão N26, cartões bancários

O N26 é mais parecido com um banco tradicional do que o Revolut. Na realidade, é um banco “normal” sediado na Alemanha e regulado pelo Banco Central Europeu, onde cada conta está protegida até 100.000€, conforme as diretivas europeias.

O que distingue o N26 é que foi desenvolvido de raiz para operar como mobile banking e para satisfazer as novas necessidades de um mundo em fronteiras. Para além dos benefícios associadas à mobilidade, o N26 oferece aos seus clientes um cartão Mastercard com características e funcionalidades muito interessantes para quem viaja com frequência.

A gestão da conta e do cartão pode ser feita via App no telemóvel ou browser no computador e tem boas funcionalidades para o dia-a-dia (transferências, notificações e alertas, bloqueio imediato do cartão, bloqueio do cartão para compras online, definir limites, etc).

Características principais da conta N26 Standard (gratuita)
Abertura de conta online em poucos minutos, sem papelada e burocracias
Conta bancária sem quaisquer custos ou comissões de manutenção
Cartão virtual imediato e gratuito para pagar e levantar com o telemóvel
Cartão físico gratuito sem anuidade, havendo apenas um custo de entrega
Pagamentos ilimitados em qualquer país e moeda, sem taxas ou comissões escondidas
Até 3 levantamentos gratuitos por mês dentro da Zona Euro
Taxa de 1,7% em todos os levantamentos fora da Zona Euro
Não é necessário carregar o cartão, uma vez que o mesmo utiliza o saldo da conta à ordem

Para além da versão gratuita, o N26 oferece outros planos pagos que incluem benefícios extra, tais como levantamentos gratuitos ilimitados, pacotes muitos completos de seguros de viagem e lifestyle, ofertas especiais em marcas como GetYourGuide, Booking.com e outras, etc.

Pessoalmente, já tenho uma conta N26 há algum tempo e utilizo-a com frequência. Na verdade, esta é cada vez mais a minha segunda conta bancária, onde, por exemplo, recebo pagamentos de alguns parceiros e clientes. Para já, estou bastante satisfeito!

Curve

Cartão Curve, cartões bancários

O Curve é uma solução inovadora que apresenta uma proposta única e um pouco diferente das anteriores. Em termos práticos, permite combinar todos os teus cartões num único cartão! Aqui não há conta bancária, não há IBANs, não há saldos, nem é preciso fazer carregamentos… pois o cartão Curve funciona “apenas” como um agregador de todos os teus cartões e intermediário de pagamento.

Tudo o que precisas fazer é, depois de receberes o teu cartão Curve gratuito, adicionar os teus outros cartões bancários e de pagamento na aplicação (BPI, CGD, Millennium, Revolut, cartões de crédito ou de débito, etc). A partir daí, poderás utilizar apenas o cartão Curve, escolhendo no momento da compra ou do levantamento em que cartão é que pretendes que “caia” esse movimento. Parece confuso? Experimenta, vais ver que é simples!

Características principais da versão Blue (gratuito)
Cartão gratuito, sem anuidade nem custo de envio
Não é preciso manter saldo ou fazer carregamentos
Funciona com Google Pay e Apple Pay
Suporta cartões de crédito e débito, das redes Visa ou Mastercard
Levantamentos sem taxas ou comissões, em qualquer país e moeda, até 200€/mês
Pagamentos sem taxas ou comissões, em qualquer país e moeda, até 500€/mês
Funcionalidades técnicas de pagamentos muito inovadoras e avançadas (Go Back in Time, etc)
Seguro de protecção do consumidor até 100.000€

As versões pagas do Curve adicionam uma série de benefícios interessantes, como o aumento dos limites, cashback em retalhistas à escolha, seguro de viagem e rent-a-car, acesso a lounges de aeroporto, etc.

Pessoalmente, cada vez mais utilizo o cartão Curve. De facto, é muito prático andar apenas com um cartão na carteira sabendo que posso escolher, a qualquer momento, pagar com qualquer um dos meus cartões nacionais ou internacionais. Em viagem, isso torna-se ainda mais importante para não ter que andar com vários cartões na rua, correndo o risco que os perder ou ser assaltado.

Wise (anteriormente TransferWise)

TransferWise, cartões bancários

A Wise (anteriormente TransferWise) é uma empresa financeira tecnológica que nasceu com o objectivo de oferecer um serviço de transferências internacionais com custos muito inferiores aos dos bancos tradicionais e que, rapidamente, se tornou na opção preferida por viajantes, expatriados e freelancers que precisam enviar ou receber dinheiro do estrangeiro.

Entre outras, as principais vantagens em ter uma conta multi-moeda da Wise são:
Enviar dinheiro para todo o mundo com custos mais baixos do que num banco tradicional
Manter e converter saldos em cerca de 50 moedas diferentes
Receber dinheiro do estrangeiro sem custos adicionais, como numa conta bancária local

A abertura da conta é gratuita e dá acesso a um cartão de débito Mastercard, que permite utilizar o dinheiro do nosso saldo, nomeadamente pagando bens e serviços ou levantando numa caixa ATM. As suas principais características são:
Cartão sem anuidade, havendo apenas um pequeno custo de envio
Pagamentos ilimitados, sem taxas ou comissões, se tiver saldo nessa moeda
Até 2 levantamentos ou 200€/mês sem taxas ou comissões
Depois de atingido o limite gratuito, taxa de 1,75% em cada levantamento

Pessoalmente, utilizo a Wise para receber pagamentos de clientes e parceiros localizados fora da Zona Euro e para fazer transferências, por exemplo, para agências de viagens, hotéis, transportes etc quando organizo viagens de grupo na América Latina ou na Ásia. E já poupei muito dinheiro!

Qual é, então, a melhor solução?

Depende. Tendo em conta as características e vantagens de cada solução, cada um de nós terá que analisar e perceber o que sente que é melhor para si. Eu tenho e uso todos!

Para uma utilização ocasional em viagem, a versão gratuita do Revolut poderá ser suficiente. Mas, se falarmos de viagens frequentes e/ou mais prolongadas, vale a pena fazer uma combinação entre dois (por exemplo, Revolut + N26) ou optar por uma das versões pagas que, para além de aumentar os limites, oferece outros benefícios muito úteis para viajantes.

O Curve é mesmo muito prático, seja em viagem ou no dia-a-dia em casa e para compras online. A sua funcionalidade principal de agregar todos os nossos cartões é única e não custa nada experimentar! Na pior das hipóteses, fica guardado na gaveta para uma emergência.

Para quem precisa de enviar ou receber dinheiro de ou para fora da Zona Euro com alguma regularidade, a Wise é sem dúvida a melhor alternativa.

Sejam quais forem as tuas opções, não percas tempo! Quanto mais cedo pedires um destes cartões bancários e de pagamento, mais cedo te vais habituar à sua utilização e começar a poupar em viagem.

 
Planeia a tua viagem com estas ferramentas
Faz como eu! Estas são as principais ferramentas que utilizo na preparação das minhas viagens. Ao utilizares os links abaixo, poderás ter alguns descontos e vantagens e eu posso ganhar uma pequena comissão. Desta forma, ajudas-me a manter o blog sem pagares nada mais por isso.
Voos
Encontra os melhores voos no Skyscanner ou no Kiwi.com
Alojamento
Reserva o teu hotel, hostel ou guesthouse no Booking ou no Airbnb
Seguro de viagem
Faz sempre um bom seguro de viagem com a IATI ou a World Nomads
Tours e bilhetes
Marca tours e compra bilhetes para atracções através do GetYourGuide ou do Civitatis
Rent-a-car
Consegue os melhores preços no aluguer de carros com a Rentalcars.com ou a Rentcars
Cartões Bancários
Poupe nas taxas de levantamento com os cartões Revolut, Curve, N26 ou TransferWise
 

Ver mais dicas de viagem


Precisas de ajuda para planear a tua próxima viagem?

Workshop Smart Travel

44 comentários em “Os melhores cartões bancários para viajar”

  1. Olá André, como está?
    Encontrei o seu post felizmente, pois tinha bastantes duvidas em que cartão usar fora de Portugal. Diga-me uma coisa, eu tenho o Revolut, acha que irá funcionar para 15 dias no Japão, caso haja alguma emergencia e levantar dinheiro. Será a minha primeira viagem para fora ahah

    Outra questão, não sei se vai conseguir ajudar-me mas cá vai. Onde é o melhor sitio para trocar o dinheiro (euro) para ienes? Estive a ler, e vários sitios dizem para trocar no aeroporto, mas tambem já me disseram que se paga bastante por trocar.

    Cumprimentos

    Responder
    • Olá Angela! O Revolut à partida funciona em qualquer caixa ATM e terminal de pagamento que aceite Visa ou Mastercard (conforme a rede de que for o teu cartão). Por isso, penso que não terás problemas no Japão. Quanto ao local para cambiar dinheiro, não te sei dizer especificamente no caso do Japão… mas o aeroporto raramente (para não dizer nunca) é um bom local, pois as taxas são normalmente mais desfavoráveis. Boa viagem!

      Responder

Deixe um comentário