Um duelo perdido com o sol

O dia começou cedo. Dormi aproximadamente 11 horas e tomei um café e três pães simples como pequeno-almoço. Ainda me perguntaram se queria panquecas mas … Ler mais

Até Cruz del Condor com o corpo congelado até aos ossos

Não consegui dormir. O vento frio começava-me a incomodar e a trepidação, de quando em vez, fazia com que as malas que estavam nas prateleiras de cima caíssem em cima da cabeça dos peruanos. Curiosamente, só as malas dos turistas é que caíam.

Arequipa vista ao detalhe

Imainalacatchanke. É assim que se cumprimentam as pessoas em Quechua, dialecto utilizado nas montanhas pelos fabulosos representantes da comunidade Inca outrora devastada em nome de … Ler mais