Kit de Viagem

Taj Mahal, Índia

Roteiros, itinerários e onde ir na Índia

A Índia de Gandhi e um país de contradições

A Índia é um país enorme, com grande uma diversidade geográfica e cultural e seriam precisos muitos meses para conhecer bem toda a sua riqueza. O itinerário mais comum para uma primeira vista à Índia é o chamado de “triângulo dourado”, que inclui as cidades de Delhi, Agra e Jaipur. Eu acrescentaria Varanasi a este lote, um destino decididamente a não perder, transformando o triângulo num quadrado.

Delhi

delhi, india

Delhi é a capital da Índia e uma cidade onde vivem cerca de 13 milhões de pessoas, grande parte delas no limiar da pobreza. O trânsito é incrivelmente caótico, a sujidade espreita em todas as esquinas e há muitas pessoas a viver nas ruas. Ainda assim, pode ser uma cidade agradável de visitar e tem, sem dúvida alguma, muitos pontos de interesse a conhecer como, por exemplo, a India Gate, o Red Fort, o Humayun’s Tomb e o imperdível museu Ghandi Smriti. As ruas estreitas e cheias de lojinhas de tudo e mais alguma coisa de Old Delhi contrastam com as avenidas largas e parques espaçosos da parte nova de cidade (New Delhi).

Agra

taj mahal, india

Agra é uma cidade que, turisticamente, quase só tem interesse por causa do Taj Mahal, possivelmente a maior atracção da Índia e uma das maiores do mundo. O programa ideal será talvez dormir apenas uma noite. No primeiro dia visitar o Agra Fort e ir ver o pôr-do-sol às traseiras do Taj Mahal, do outro lado da ponte, junto ao rio. Qualquer condutor de auto-rickshaw sabe ir para lá e não vale a pena pagar para entrar no parque que lá há, basta seguir o caminho paralelo até ao rio. Há hotéis económicos para dormir muito perto do complexo do Taj Mahal e assim, no segundo dia, o visitar logo ao amanhecer.

Jaipur

Jaipur, India

Jaipur é a cidade dos marajás e dos palácios. As atracções principais são o City Palace, as ruas dentro da cidade murada (Pink City) e o forte de Amer, a poucos quilómetros do centro da cidade. O Monkey Palace pode ser engraçado para quem nunca viu macacos fora de jaulas mas, fora isso, é um engano. Outra grande atracção de Jaipur são os “havelis”, antigos palácios de marajás transformados em hotéis de charme e que existem um pouco por toda a Índia. Mesmo que não se fique hospedado num, vale e pena ir beber qualquer coisa ou fazer uma refeição para viver a experiência e conhecer.

Varanasi

Varanasi, India

Varanasi é uma loucura total e um destino imperdível numa viagem à Índia. Parece que, de repente, se entra num filme de outra dimensão, com personagens misteriosas e diabólicas que se alimentam de crenças, rituais estranhos e banhos nas margens do Rio Ganges. A acção está toda junto ao rio e na parte velha da cidade, por isso faz sentido ficar alojado lá alojado apesar de muitos guias de viagem aconselharem a zona dos melhores hotéis. Vale muito a pena fazer um passeio de barco ao amanhecer e passar pelas várias Ghats (portas) onde os peregrinos estão a tomar o banho sagrado.

Goa

Goa, India

As praias de Goa são um destino muito popular na Índia e uma alternativa mais relaxada e trendy para passar uns dias ao sol.

,

One Response to Roteiros, itinerários e onde ir na Índia

  1. rosalina loezer 15/03/2017 at 13:24 #

    India me deixa em dúvida é um país bom de morar ou ruim?tem lugares como Deliparece ser bem primitiva,ou estou enganada?a vida é facil la na Deli? se encontra emprego fácil lá?o que é minha família é do governo?notei que as pessoas são relativamente muito pobres lá na Deli,e lá é verdade que os homens se casam com mais de uma mulher ao mesmo tempo? é um país violento?basicamente que tipo de emprego os trabalhadores trabalham?me parece uma cidade suja,lixos por toda parte,é normal?

Deixe o seu comentário