Kit de Viagem

Hoi An, Vietnam

Guia prático e essencial para visitar Hoi An

Hoi An, a cidade das lanternas

Muitas vezes referida como a cidade mais bonita do Sudeste Asiático, Hoi An é seguramente um destino a incluir num itinerário de viagem pelo Vietnam. Eu gostei tanto que acabei por lá ficar cerca de duas semanas!

Preparei este guia tendo em conta as informações que eu próprio procuro quando viajo para um novo destino. São o resultado de algumas semanas a “viver” em Hoi An e alguma investigação no local mas é claro que incorpora alguns do meus gostos e preferências, pelo que não me responsabilizo pela sua incorrecta utilização! :)

Como chegar a Hoi An

Quem viaja para Hoi An, o mais certo é já estar no Vietname, provavelmente a fazer um percurso de norte para sul desde Hanói ou de sul para norte desde Ho Chi Minh (Saigão).

Avião

Vietjet, Hoi An

O voo desde Ho Chi Minh até Hoi An demora apenas uma hora.

 

Viajar de avião é a forma mais rápida e confortável para fazer deslocações internas no país e, muitas vezes, até acaba por ser também a mais eficiente em termos de custo. Além da tradicional e mais cara Vietnam Airlines, existem boas companhias lowcost como a Vietjet ou a Jetstar. O aeroporto mais próximo fica na cidade de Da Nang, a cerca de 30km e uma curta viagem de carro. O próprio alojamento onde vão ficar em Hoi An poderá arranjar esse transporte ou, se optarem pelo táxi, usem apenas os da Mai Linh (verdes) ou da Vinasun (brancos), que têm um excelente serviço , usam sempre taxímetro e não enganam nas tarifas. O custo do táxi ou de um caro privado arranjado pelo hotel/homestay deverá ser de cerca de 20 USD. Outras alternativas são os serviços de transfer que se consegue encontrar na internet e no próprio aeroporto, mas como nunca usei não posso recomendar nenhum em especial (atenção que muitos não levam mesmo até ao hotel). E, caso viajem sozinhos e tenham pouca bagagem, uma mota. Neste último caso, terão que negociar o preço caso a caso.

Pesquisar voos no Vietnam

 

Comboio

Comboio, Hoi An

Viajar de comboio no Vietnam pode ser uma experiência muito interessante.

 

Outra alternativa para chegar a Hoi An e outras cidades no Vietnam é o comboio. Confesso que, apesar de poder custar quase tanto como o avião e demorar muito mais tempo, é uma alternativa que me agrada pela experiência em si e pelo contacto que proporciona com a população local. Há comboios nocturnos com compartimentos cama e, durante o dia, pode-se observar bonitas paisagens em alguns troços, como é o caso do percurso até Hoi An para quem vem de norte. A estação de comboios, tal como o aeroporto, fica em Da Nang, pelo que depois é necessário apanhar um transporte como indicado em cima. Os bilhetes de comboio podem ser comprados online no site oficial da Vietnam Railways em www.dsvn.vn (mas os cartões internacionais raramente funcionam) ou nos sites Baolau e 12Go Asia que funcionam direitinho. E, claro, localmente nas estações ou em qualquer agência de viagens.

Autocarro

A opção mais económica e habitualmente popular entre viajantes independentes e backpackers são os autocarros “sleeper bus”, cujos bilhetes podem ser comprados viagem a viagem ou no sistema Open Tour, que inclui a travessia do país de uma ponta à outra com as datas de cada trajecto em aberto, sendo apenas necessário depois reservar lugar até ao dia anterior de cada trajecto. A desvantagem destes autocarros pode ser o desconforto de ter que ir muitas horas deitado ou semi-sentado (desde Ho Chi Minh a Hoi An demora cerca de 24 horas) e serem um pouco claustrofóbicos e, eventualmente, barulhentos e mal cheirosos. Em Hoi An param mesmo no centro da cidade, evitando-se assim a deslocação de e/ou para Da Nang. Há várias companhias a operar este tipo de autocarro e, pelo menos pela minha experiencia, nenhuma se destaca por ser especialmente boa. Estes bilhetes podem ser comprados em qualquer agência, hotel ou guesthouse e online nos sites Baolau ou 12Go Asia.

sleeper bus hoi an

O sleeper bus que apanhei para sair de Hoi An. Não é opção que mais gosto mas é a mais barata.

 

 

Onde dormir em Hoi An

Umas das razões pelas quais eu considero Hoi An um destino tão perfeito é pela diversidade de cenários e actividades que se consegue encontrar num raio de tão poucos quilómetros. E, em relação à escolha da zona para ficar alojado, essa variedade também acontece.

No meio dos campos de arroz, entre o centro e a praia

A zona de Cam Chau é a minha preferida porque é bastante sossegada e fica estrategicamente situada a meio do caminho entre o centro da cidade da cidade e a praia. Em poucos minutos, de mota ou bicicleta, conseguimos chegar a ambos. Por outro lado, o cenário no meio dos campos de arroz é lindíssimo e tranquilizante. Este bairro é muito local e as opções de alojamento são mais do tipo homestays e villas, o que eu considero uma excelente alternativa aos tradicionais hotéis. Fiquei várias noites na Rice Field Homestay e foi uma experiência formidável. Além da casa e do quarto serem muito confortáveis, os donos são muito simpáticos e disponíveis, fazendo-nos sentir mesmo em casa. Recomendadíssimo! Outra óptima opção na mesma zona e muito perto é a Golden Rice Villa, que visitei para avaliar e também posso recomendar.

rice field homestay hoi an

Rice Field Homestay. Cam Chau, Hoi An.

 

Em sossego absoluto, num bairro muito local

Outra zona tranquila e também com uma envolvente muito local é Cam Thanh. É ligeiramente mais afastada e ideal para quem procura sossego e algum afastamento. De qualquer forma, tudo é perto em Hoi An e, mesmo para quem não gosta de andar de bicicleta ou scooter, os táxis são confiáveis e são baratos. Fiquei alguns dias nesta zona na Palm View Villa e a estadia foi óptima. Os quartos são gigantes e muito confortáveis, o pequeno-almoço excelente e o dono e o staff arranjam sempre forma de oferecer um miminho. Outra que fui ver e achei maravilhosa é a Green Areca Villa mas no Booking.com há mais algumas com excelentes comentários. Ficar numa villa ou homestay faz parte da experiência de viajar em Hoi An e no Vietnam e é totalmente recomendável!

Palm View Villa, Hoi An

Palm View Villa. Cam Thanh, Hoi An.

 

No centro, no meio do movimento e a dois passos da Old Town

Quem preferir ficar no centro da cidade e muito perto ou mesmo dentro da própria da Old Town, que é onde há mais movimento, comércio e diversão, os bairros de Minh An e Cam Phô serão os mais adequados. Nesta zona encontra-se uma grande concentração de alojamentos de todos os tipos , desde mais económicos até mais luxuosos. O meu conselho será pesquisar no Booking.com um que tenha boas avaliações e que esteja localizado ao longo da rua Tran Hung Dao como, por exemplo, o Vaia Boutique Hotel, a Maison Vy ou, na rua Bà Trieu, o Thien Thanh Boutique Hotel ou Vinh Hung 2 Hotel. Mas, como disse, há imensas opções pelo que que chegar sem nada marcado estes são os locais onde mais facilmente vai encontrar uma solução.

Maison Vy Hotel, Hoi An

Um bocadinho de luxo nunca fez mal a ninguém! Maison Vy Hotel, Hoi An.

 

Na praia, para aproveitar o sol e o mar

Uma quarta área possível para ficar alojado é em Cam An, na zona das praias. Aqui é ideal para pessoas que gostam de fazer praia e, de vez em quando, dar um salto à cidade para jantar ou fazer um pouco de turismo. Não sendo espectaculares como na vizinha Tailândia ou nas ilhas do sul do país, as praias de Hoi An são bem agradáveis e têm normalmente pouca gente, com um pequeno toque de “selvagens”. Dois hotéis que me foram bem recomendados por uma amiga são o Boutique Hoi An Resort e o Palm Garden Beach Resort mas também há homestays mais económicas como a An Bang Garden Homestay, a Vu’s Bungalow e outras.

Boutique Hoi An Resort

Piscina do Boutique Hoi An Resort, com acesso directo à praia!

 

Pesquisar mais alojamentos em Hoi An

 

Como se deslocar em Hoi An

Em Hoi An tudo é relativamente perto. Centro da cidade, arrozais, praia… até mesmo a cidade de Da Nang. De qualquer forma, andar a pé não é uma solução eficiente a não ser para pequenas deslocações na vizinhança no nosso alojamento.

Scooter

É a forma mais eficiente de andar em Hoi An e a que proporciona mais liberdade, simplificando bastante qualquer deslocação. De scooter consegue-se chegar a qualquer lado 5 minutos! Custam cerca de 5 USD por dia e podem ser alugadas através do alojamento onde se ficar ou numa das várias lojas e agências da cidade. Não é preciso nada de especial para alugar, ninguém pede carta nem nada. É pagar e já está!

hoi an vietnam scooter

Andar de mota dá muita liberdade e permite explorar bem tudo ao redor.

 

Bicicleta

Muitos hotéis e homestays oferecem o uso de bicicleta ou alugam por cerca de 1 USD por dia. No centro da cidade também não faltam lojas onde é possível alugar. Aliás, passear de bicicleta pelo meio dos campos de arroz e das pequenas aldeias locais é uma das principais actividades em Hoi An. É uma boa solução, principalmente para distâncias mais curtas. Do centro até aos campos de arroz demora-se cerca de 20 minutos, dependendo das pernas de cada um. E daí até às praias demora-se outro tanto.

hoi an vietnam bicicletas

Muitas homestays em Hoi An oferecem o uso de bicicletas.

 

Táxi

Andar de táxi é, naturalmente, a alternativa mais cara. Mas, ainda assim, não rebenta com o orçamento porque os táxis no Vietnam são relativamente baratos. Quem optar por esta alternativa deverá apenas ter o cuidado de só apanhar carros da Mai Linh (verdes), da Vinasun (brancos) ou da Taxi Faifoo (Amarelos), pois usam sempre taxímetro e não enganam nas tarifas.

Hoi An Vietnam taxis

Andar de táxi não é caro mas deve-se utilizar apenas os táxis das companhias credíveis.

 

Onde comer em Hoi An

Desde bancas de comida de rua até restaurantes requintados, a oferta de sítios onde comer em Hoi An é tão vasta que até se torna difícil recomendar algum em concreto. Nestas coisas de alimentação, a não ser que haja um local que realmente se destaque e não se possa deixar de experimentar, sou mais defensor do “cada um que descubra por si”. Em todo o caso, deixo alguns dos locais que mais frequentei durante as semanas em que estive a viver por lá. Vejam o mapa em baixo para localização.

Comida de rua em Hoi An, Vietnam

Em todo e Vietnam as bancas e pequenos restaurantes de street food são muito populares e, normalmente come-se bem e barato. Em Hoi An, encontram-se um pouco por todo o lado, principalmente nas ruas mais movimentadas e na Old Town junto ao rio depois da ponte japonesa. O Cao Lau é o prato típico de Hoi An (e o mais barato) e fartei-me de o comer!

Outro sítio onde fui muitas vezes foi ao Solo, um restaurante simples na rua principal (Tran Hung Dao), com boa comida vietnamita e western, relativamente barato e com bom atendimento. Também fazem para take-away ou delivery. Ao lado e em frente há outros também aparentemente bons e que tinham sempre muita gente, como o Café Garden ou o Vina Ngon.

restaurante hoi an vietnam

Restaurante Quang Thang. Junto ao rio, barato, comida decente. Cumpre!

 

Um restaurante barato e numa localização top na Old Town mesmo em frente ao rio é o Quang Thang. É um sitio muito simples e barato, ideal para um almoço rápido com boa vista mas não especialmente apropriado para um jantar mais especial ou romântico.

Para uma experiencia de comida local num ambiente mais moderno, uma amiga minha aconselhou-me o Vy’s Market, um conceito engraçado tipo food market moderno, onde se pode provar um pouco de tudo. Têm também cooking classes.

Os melhores hambúrgueres servem-se no Jim’s Snackbar. Infelizmente, não consegui ir experimentar mas foi-me recomendado pelos donos da Rice Field Homestay, onde fiquei durante vários dias e que são especialistas em bons sítios para comer!

Se apetecer comer uma boa pizza (e passados alguns dias só a comer só comida local acreditem que apetece) os melhores sítios são o GoodMorning Vietnam e a Casa Italia. Eu fui sempre à Casa Italia porque é mais barato, as pizzas são óptimas e a localização mesmo em frene ao rio torna tudo ainda mais romântico.

Soul Kitchen hoi an vietnam

O Soul Kitchen tem bom ambiente e uma localização top mesmo em cima da praia.

 

Também para variar da comida local, o Dingo Deli é um restaurante e pequena mercearia com ambiente moderno e internacional. A comida é óptima e na carta constam excelente sandwichs, burritos, hambúrgueres, saladas, frango no churrasco, cervejas e vinhos internacionais, etc. Não é propriamente barato se compararmos com restaurantes locais.

Outro restaurante com ambiente internacional e frequentado por gente que está na moda é o Soul Kitchen. A comida é boa, sim senhor! Mas a localização, mesmo em cima da praia, é que faz toda a diferença. É um bom sítio de chill out mesmo que não se vá tomar uma refeição completa.

A cereja no topo do bolo é o restaurante aquático na chamada Coconut Island. Na verdade, aquilo não é bem uma ilha natural mas sim uma invenção criativa feita com estacas e bamboo e com um ambiente local muito simples onde vão pouco turistas. Para lá chegar é preciso atravessar o rio num pequeno barco (há um barqueiro a fazer isto gratuitamente para clientes do restaurante) e a comida é simplesmente maravilhosa!

Coconut Island hoi an

Verdadeira refeição Vietnamita com amigos locais na Coconut Island.

 

O que fazer em Hoi An

Hoi An é um destino que oferece variadas actividades e experiencias diferentes. Um centro histórico muito bonito, um cenário e a tranquilidade das plantações de arroz, a praia com areia branca e água quente óptima para tomar banho, a cozinha vietnamita e local, os típicos candeeiros, os chapéus, as pessoas, etc.

Cada pessoa tem os seus gostos e, como diz o ditado, isso não se discute. Eu considero que em viagem não há coisas certas ou eradas a fazer, actividades que não se pode eixar de experimentar, lugares obrigatórios de conhecer. Cada um é que sabe o que lhe apetece a cada momento!

Centro Histórico

É, sem dúvida alguma, a principal atracção de Hoi An e a razão pela qual a maioria dos viajantes inclui esta cidade no seu itinerário. Está classificado como Património Mundial da UNESCO e vale seguramente várias visitas em diferentes horários. Desde o final da tarde e até às 21h só se pode circular a pé ou de bicicleta e, dentro do perímetro do centro, há muitas atracções, comércio, restaurantes, etc. Tirar uma foto na ponte japonesa e largar uma vela no rio são os “must do” típicos.

hoi an vietnam

O centro histórico é a principal atracção de Hoi An.

 

Praia

Podem não ser praias tão espectaculares como as da ilha de Phu Quoc ou da vizinha Tailândia, mas as praias de Hoi An não são nada de se deitar fora! A praia principal é An Bang, ali pela zona do Soul Kitchen e outros restaurantes de praia mas eu gostava de andar um pouco mais para o lado direito e ficar numa zona mais tranquila (ver mapa). A famosa Cua Dai Beach foi há uns anos atrás “atacada” por uma forte tempestade e actualmente está muito diferente e a zona uma pouco abandonada mas, na minha opinião, continua a ser uma boa praia.

praia hoi an vietnam

Manhãs bem passada em praias quase sem ninguém. Hoi An, Vietnam.

 

Passear de bicicleta

Diria que esta é uma das principais actividades em Hoi An. Há passeios organizados pelos arrózia e aldeias locais mas também é muito simples pegar numa bicicleta e ir de forma independente. O terreno é praticamente sempre plano e dá para ver bonitas paisagens mas convém levar um mapa ou, melhor ainda, o GPS do telemóvel para o caso de não sabermos voltar para trás!

arrozais hoi an vietnam

Um dos cenários que se pode presenciar num passeio de bicicleta por Hoi An.

 

Passeio de basket boat

Os basket boats são um tipo de embarcação típica no Vietnam e muito presente em Hoi An. Os habitantes locais utilizam-nos efectivamente para pescar, para transporte, etc. Em vários sítios vão encontrar propostas para fazer estes passeios, mas um dos mais conhecidos e referenciados são os da Jack Tran’s EcoTtours. Eu simplesmente fui até à Coconut Island e negociei lá directamente com uns locais. Um bom programa é fazer isso ao final da manhã e depois ficar para almoçar no restaurante flutuante (ver recomendação acima).

basket boat hoi an vietnam

Um pouco de aventura num basket boat a caçar rãs. Hoi An, Vietnam.

 

Mandar fazer um fato, um vestido ou sapatos à medida

Hoi An é tipo “capital mundial da alfaiataria e sapataria”. As lojas e atelieres abundam na cidade e em menos de 24 horas é possível fazer qualquer tipo de fato, vestido ou sapato à medida. Um must! Claro que a qualidade varia muito e convém fazer alguma pesquisa e prospecção. Um que posso recomendar, não porque tenha utilizado mas porque sei que é mesmo bom, é o Beb Be Tailor, cujos donos são familiares da homestay onde fiquei durante vários dias.

fatos e vestidos à medida em Hoi An

Fatos, vestidos e sapatos por medida na cidade “tailor made”. Hoi An, Vietnam.

 

Aulas de culinária

Outro “must do”! Bem, eu não fiz… mas, para quem gosta de cozinhar, esta é uma actividade que vale com certeza fazer. A comida Vietamita é, na minha opinião, uma das mais saborosas do mundo e estas aulas normalmente incluem visita ao mercado para comprar os ingredientes, preparação e comezaina no final! Há imensas escolas e restaurantes que oferecem estas aulas e as do Vy’s Market são uma das melhores.

aulas de culinária em Hoi An, Vietnam

Aprender a cozinha como um verdadeiro Vietnamita em Hoi An.

 

Cham Island

Cham Island, ou Cu Lao Cham , é uma ilha que fica a cerca de 20km de Hoi An. Pode-se chegar lá a partir do porto de Cua Dai mas apenas durante a época seca (Março a Setembro), pois na época das chuvas o mar está muito agitado e, por vezes, perigoso. É um das ilhas menos exploradas do Vietnam e óptima para mergulhar, fazer snorkeling e tudo o que tenha a ver com actividades aquáticas, praias e vinha marinha. Pode-se fazer como um passeio de “day trip” ou ficar lá a dormir, em guesthouses locais ou debaixo das estrelas!

Cham Island, Hoi An

A doca de chegada em Cham Island, perto de Hoi An.

 

Santuário de My Son

As ruínas de My Son, classificadas como Património Mundial da UNESCO, são um conjunto de templos hindus abandonados que podem ser visitados a partir de Hoi An num tour ou de forma independente. A melhor hora para ir de forma independente, de mota ou caro, é mais para o meio ou final da tarde, depois dos tours terem terminado. A viagem até lá demora cerca de uma hora mas vale bem a pena!

my son vietnam, perto de hoi an

Um dia de cultura no Santuário de My Son, a cerca de uma hora de Hoi An.

 

DaNang

Da Nang é a cidade grande mais próxima de Hoi Na e pode ser interessante conhecer ou visitar quando se procura um pouco mais de agitação, saídas nocturnas, compras, etc. As praias também são boas e, além da cidade em sim, tem algumas coisas interessantes à volta.

Da Nang, perto de Hoi An

Da Nang é uma cidade moderna com tradições antigas.

 

Ver mais tours e actividades em Hoi An

 

Mapa de Hoi An

 
Planeie a sua viagem com estas ferramentas
Faça como eu! Estas são as ferramentas que utilizo no planeamento e preparação das minhas viagens. Ao utilizar os links abaixo, poderá ter alguns benefícios e, ao mesmo tempo, ajuda-me a manter o blog sem pagar nada mais por isso.
Pesquisar voos
Pesquise os seus voos num agregador como o Skyscanner ou o Momondo.
Alojamento
Reserve o seu hotel, hostel ou guesthouse no Booking ou no Airbnb.
Seguro de viagem
Não arrisque! Faça sempre um bom seguro de viagem com a World Nomads ou a Globelink.
Tours e bilhetes
Encontre um tour à sua medida e compre bilhetes para atracções no GetYourGuide ou no Viator.
Rent-a-car
Consiga os melhores preços de aluguer de carros na Rentalcars ou na Economy Car Rentals.
Cartões Bancários
Poupe nas taxas de levantamentos em viagem com os cartões Revolut ou N26.
WiFi e Internet Móvel
Tenha internet ilimitada em qualquer país do mundo com o Skyroam.

Siga-me no Instagram


783 Partilhas

, ,

9 Responses to Guia prático e essencial para visitar Hoi An

  1. Hernani Oliveira 09/02/2018 at 14:31 #

    Olá André, o blogue está fabuloso e vai mesmo servir de guia à viagem que vamos fazer dentro de 15 dias. Os meus parabéns por este fantástico manual de viagem a Hoi An.

    • André Parente 13/02/2018 at 01:44 #

      Obrigado Hermani! Sim, este guia de Hoi An ficou bastante completo :) Aproveitem bem, o Vietnam é maravilhoso!

  2. Alceu Araujo 31/01/2018 at 16:55 #

    Oi André, tudo bem?

    Estamos querendo ir ao Vietnam entre setembro e outubro, é um bom período?

    É perigoso? Tenho que me preocupar com que?

    Grato

Deixe o seu comentário