Kit de Viagem

Descanso em Byron Bay

Descanso em Byron BayChego cansado. Cansado dos quilómetros que já percorri, cansado de saltar de cidade em cidade, cansado do crowd da Gold Coast e de ser tratado por “mate” em todos os tascos e esquinas.

E sinto o tempo a fugir. Por vezes viajo de noite para poupar o dia, outras vezes arranco logo após a surfada da manhã. Páro, surfo, dou uma volta pela cidade, procuro uma massagem para tratar a dor no ombro, surfo outra onda mais ao lado, como qualquer coisa, vou experimentar outra marca de cerveja, durmo rápido, acordo cedo, surfo…. e parto para a próxima cidade. Brisbane, Mooloolaba, Noosa, Bundaberg, Coolangata. Depressa, depressa porque não tenho tempo!

Tenho que parar. Preciso relaxar um bocado, estender a toalha e dormir na praia, pegar outra vez no livro, não pensar no regresso e nos próximos meses em Portugal, relembrar os planos da volta ao mundo… e sonhar.

Tinha combinado com o Rui Sousa, um amigo de praia cá do Porto que está a estudar na Austrália, ir ter com ele a Newcastle no dia seguinte mas apetece-me ficar mais tempo. O mar também baixou e ele diz que não vale a pena ir mais para sul porque não está a dar nada lá para baixo. “Fica aí na boa, vais curtir isso!”. Se curti, Sousa, se curti.

Byron é dos sítios mais “cool” que devem existir. Tem umas ondas boas num género de point-break de direita (sempre direitas!) mas o que distingue aquela terrinha é o seu ambiente relaxado em geral e o tipo de pessoas que lá se encontra. Alojo-me num quarto muito simples, numa pequena casa tipo familiar e entro na onda. Caminho pelas ruas sem destino, faço massagens, terapias de aromas, junto-me nas rodinhas, compro um didgeridoo e aprendo a tocar, entro na praia em frente à cidade para mais um fim de tarde de camaradagem e palhaçada dentro de água. A noite é relaxadíssima, de calções e t-shirt, sem os exageros dos sítios estragados pelo turismo e é possível falar com uma mulher bonita sem que ela pense que só estamos à procura de sexo rápido (não que não me tenha apetecido!).

Estou em Byron Bay. Volto em breve, mas talvez fosse mais fácil simplesmente continuar.

 

,

No comments yet.

Deixe o seu comentário